Portada
Temas
Confederal
Sectores
Entrevistas
Opinion
Multimedia
Contacta
 
Artigos de opinión
A União Europeia não existe
21/01/2015Vaz de Carvalho
A UE não existe, o que existe é um problema, uma guerra de classe contra os povos sob a designação de UE. Que democracia, que vontade do povo se...
A estratégia da tensão de dois terrorismos: o jihadista e o imperialista
21/01/2015Achille Lollo
O ataque ao semanário Charlie Hebdo alimenta uma dúplice estratégia da tensão, onde, por um lado, as células jihadistas exploram o degrado e o ...
Ucrânia e fascismo
15/01/2015Inês Zuber
A população do Donbass e os patriotas ucranianos que resistem à fascização da Ucrânia – vulgarmente conhecidos nos media dominantes por «te...
Charlie Hebdo: Uma reflexão difícil
14/01/2015Boaventura de Sousa Santos
Não estamos perante um choque de civilizações, até porque a cristã tem as mesmas raízes que a islâmica. Estamos perante um choque de fanatism...
Atalhos
14/01/2015Tariq Ali
A hipocrisia com que a classe dominante em França se quis aproveitar dos ataques terroristas da passada semana pode sair-lhe pela culatra. Com a me...
A lógica que há por trás
09/01/2015Martín Granovsky
Opinión
20090209_fsm
Os que acreditam que o fim do Fórum Social Mundial é o intercâmbio de experiências devem estar contentes. Para os que chegaram a Belém angustiados com a necessidade de respostas urgentes aos grandes problemas que o mundo enfrenta, ficou a frustração, o sentimento de que a forma atual do FSM está esgotada, que se o FSM não quer se diluir na intranscendência, tem que mudar de forma e pass...
5/2/2009 // Correio da Cidadania
Devido à permanente agressão de Washington, Cuba deve destinar gastos à defesa em uma proporção muito elevada de seu orçamento público. Se não existissem essas duas condições, quer dizer, sem bloqueio e sem ameaças permanentes de ataque do exterior, Cuba disporia de muito mais recursos para incentivar a produção de alimentos, construir casas, melhorar os salários. No entanto, tais c...
5/2/2009 Carlos Taibo
Os últimos días de xaneiro son, desde un tempo atrás, o momento en que se enfrontan dúas visións do mundo e dos seus problemas: se a primeira se revela, nun conclave paraoficial, en Davos, a segunda, o Foro Social Mundial, aterrou este ano na cidade brasileira de Belém. Era inevitábel que, as cousas como van, as dúas reunións se fixesen eco dunha crise que está en todas as bocas. ...
4/2/2009 Milton Alves // Vermelho
Na esteira da crise sistêmica do capitalismo, as grandes corporações -. tanto nacionais como estrangeiras – na busca de manter as atuais margens de lucros, sem admitir qualquer recuo, descarregam brutalmente sobre os trabalhadores, com a ameaça do desemprego e da redução de direitos, o ônus da crise. Ou seja, é sobre a massa assalariada, mais uma vez, que o capital quer lançar as suas ...
4/2/2009 Altamiro Borges
20090204_venezuela-x-aniversario
Vários fatores explicam os avanços da revolução bolivariana, com seus ziguezagues e lacunas. A primeira é a radical mudança política no país, com o governo apostando na participação ativa das camadas populares – na chamada democracia protagônica... Empossado em 2 de fevereiro de 1999, o presidente Hugo Chávez completa 10 anos a frente da “revolução bolivariana” na Venezu...
4/2/2009 Manuel Mera
20090204_fsm
A crise continua, laiábase estes días Obama, malia a morea de cartos do erario público fornecidos pra recuperar a economía, non sen por elo deixar de pensar en apoiar a Israel e enviar máis tropas a Afganistán. Mentres tanto non se volveu a falar da refundación do capitalismo, que propuña Sarkozy, e tampouco se fixo un novo encontro do máximo nivel como o realizado en Washington, polo qu...
cig.prensa@galizacig.com