Portada
Temas
Confederal
Sectores
Entrevistas
Opinion
Multimedia
Contacta
 
Artigos de opinión
Grecia e a recuperación da política na economía
03/07/2015Alfredo Serrano
A democracia participativa non ten cabida na economía dos expertos. Velaquí a cuestión: a economía deseñada por uns poucos a favor duns poucos ...
O caldeirão grego
03/07/2015Luís Carapinha
A solução dos problemas do povo grego só pode ser alcançada no caminho da afirmação da soberania e da ruptura com o diktat e os mecanismos de ...
Ucrânia, o fascismo galopante
25/06/2015Raúl Antonio Capote
Na Ucrânia se trava uma grande batalha contra o fascismo, o triunfo das forças obscuras deixaria aberta a via da opção fascista, nunca descartad...
A crise da UE e a “experiência” grega
25/06/2015Ângelo Alves
A realidade na Grécia, mas também em toda a UE, é de uma luta de classes muito aguda. Nessa luta, os fatores nacional e supranacional relacionam-...
O contra-senso comum
25/06/2015Boaventura de Sousa Santos
O modo como a crise financeira da Europa do Sul tem sido "resolvida", o vasto cemitério líquido em que se transformou o Mediterrâneo, o crescimen...
A nova xeopolítica do petróleo
01/06/2015Ignacio Ramonet
Opinión
12/3/2009 Rafa Diez Usabiaga
20090312_ikurriña.ibarretxe
A esquerda abertzale presentou ideas claras para facer do espazo soberanista un eixo determinante para un cambio político e social no conxunto de Euskal Herria. Esa referencia debe, pois, concentrar os nosos esforzos ante unha conxuntura co unionismo pretendendo frear e condicionar o futuro político deste país. A resaca electoral marca a axenda dos partidos en función dos resultados de ...
12/3/2009 Lejeune Mirhan // Vermelho
O rompimento da unidade do povo e da liderança palestina vem de 2006. O que me motiva tratar deste tema é uma reunião ocorrida na semana passada no Egito, com todos os grupos e correntes que compõem a OLP - Organização pela Libertação da Palestina - em busca de uma unidade política de ação. Isso é fundamental para a luta palestina na atualidade. Pequeno histórico das divergênc...
20090312_capital copia
Para o novo consenso dominante, rapidamente instalado, é crucial que a crise seja definida como crise do neoliberalismo, e não como crise do capitalismo, ou seja, como crise de um certo tipo de capitalismo, e não como crise de um modelo de desenvolvimento social que, nos seus fundamentos, gera crises regulares, o empobrecimento da maioria das populações dele dependentes e a destruição do m...
11/3/2009 Soledad Galiana // Gara
O máis importante é que os republicanos entendan a viaxe que fica por diante, e que o proceso de paz é o vehículo que usamos para esa viaxe. A xente non vai tolerar accións ou grupos que buscan minar o proxecto republicano de forma traizoeira. Nestas circunstancias, a vontade do pobo vai prevalecer e o traballo dos líderes republicanos é renovar o seu compromiso co proceso e demostrar que ...
Trata-se de uma crise integral de um modelo civilizador que é insustentável economicamente; politicamente, sem apelar cada vez mais à violência em contra dos povos; insustentável também ecologicamente, devido à destruição, nalguns casos irreversível, do meio ambiente; e insustentável socialmente, porque degrada a condição humana até limites inimagináveis e destrói a própria trama...
11/3/2009 Bernardo Joffily // Vermelho
A imprensa americana registra – deu até no site do New York Times – que os cabelos de Barack Obama estão embranquecendo visivelmente. Diz que isso ocorre com todos os presidentes, mas que o embranquecimento de Obama está sendo mais rápido. Um ano e pouco atrás, pouquíssimos imaginavam que os Estados Unidos elegeriam um negro presidente. Mas o eleito com certeza imaginava menos ainda que...
cig.prensa@galizacig.com