Portada
Temas
Confederal
Sectores
Entrevistas
Opinion
Multimedia
Contacta
 
Artigos de opinión
Um olhar sobre o Brexit
01/07/2016João Ferreira
A ausência ou debilidade de projectos de ruptura pela esquerda com a UE constitui um perigo capaz de comportar consequências potencialmente trági...
Brasil: O golpismo contra-ataca
30/06/2016Emir Sader
A incapacidade de iniciativa política da luta contra o golpe, que combine mobilizações populares com proposta política viável no curto prazo, ...
Porque os britânicos disseram não à Europa
28/06/2016John Pilger
O voto maioritário dos britânicos a favor do abandono da União Europeia foi um acto de democracia pura. Milhões de pessoas comuns recusaram-se a...
UE: Os dias contados
28/06/2016Jorge Bateira
Tendo em conta que as políticas da UE não serão alteradas no essencial, já que isso é do interesse das elites alemãs e da tecno-burocracia de ...
O referendo inglês: o irrecusável "não", suas perspectivas e riscos
28/06/2016Haroldo Lima
A UE frustrou a esperança de vida de grande parte da gente que dizia unir. O bem-estar foi substituído pela "austeridade". E as reações se este...
O direito soberano de decidir
23/06/2016João Pimenta Lopes
Opinión
29/7/2009 Pedro Carrano
A América Central tem sido um privilegiado laboratório do capitalismo na sua versão neoliberal. O fim do ciclo de ascenso das lutas populares, característico dos anos 1970 e 80, veio carregado de uma ressaca terrível no pequeno continente. Super-exploração de trabalhadores e rebaixamento do horizonte político das organizações de classe são a base que o período anterior forneceu para o...
20090728_obama.turkey.protest.jpg
Os acontecimentos recentes nas Honduras e no Irão, onde os governos eleitos democraticamente enfrentam os actores civis e militares pró-Estados Unidos, que intentam derrubá-los, podem ser melhor compreendidos como uma parte duma estratégia mais vasta da Casa Branca, concebida para um desfazer dos ganhos alcançados por governos e movimentos de oposição durante os anos de Bush. Duma fo...
A política externa da Casa Branca trafega sobre o fio da navalha. Sabe que Zelaya está mais próximo de Chávez que dos falcões usamericanos que ainda comandam a CIA. Esta agência, especializada em terrorismo oficial, não foi devidamente saneada por Obama. E, agora, tenta justificar o golpe sob o pretexto, infundado, de que o presidente da Venezuela estaria prestes a remeter comandos militar...
Há muito mais por trás da pandemia: interesses da indústria farmacêutica, privatização do saber médico, resistência à quebra de patentes, qualidade dos sistemas de vigilância epidemiológica, infra-estrutura de atendimento, distribuição desigual dos benefícios das políticas de saúde entre países e pessoas. O agribusiness internacional faz parte desse cenário. Tudo come...
Mural, Caracas. Foto Xurxo Martínez Crespo.JPG
Bolivia ten dous presidentes, un o do país, Evo Morales, e outro o de El País. O presidente do país chamado Bolivia chamase Evo Morales, e o presidente de El País chamase o indíxena Evo Morales. Ao presidente de Bolivia elixiuno, libre e democráticamente, o seu pobo, o pobo boliviano. Ao presidente de El País, elixiuno unha serie de intereses escuros, mentiras, calumnias, e adxectivos rac...
Poderá haver um modesto aumento do PIB no 4º trimestre de 2009 ou no 1º trimestre de 2010. Será a marca do fim da actual recessão que dura há 20 meses, mas não o fim da crise. O aumento do crescimento não significa que os problemas acabaram ou que a economia está em vias de recuperação. Significa apenas que o estímulo fiscal dos 787 mil milhões de dólares de Obama está a começar a...
cig.prensa@galizacig.com