Portada
Temas
Confederal
Sectores
Entrevistas
Opinion
Multimedia
Contacta
 
Artigos de opinión
A era das guerras imperiais (Das guerras regionais, às "mudança de regime" e à guerra global)
31/08/2015James Petras
Milhões de refugiados de guerra escapam rumo à segurança na Europa Ocidental, juntando-se aos milhões de refugiados económicos que fugiram da p...
UE/Euro: Prisão de povos
17/07/2015Jorge Cadima
Os acontecimentos dos últimos dias são portadores de importantíssimos ensinamentos sobre a verdadeira natureza da dominação de classe, do imper...
A operação em curso – nome de código: Grécia
10/07/2015Vaz de Carvalho
Contrariamente às ilusões europeístas o sistema é incapaz de resolver os problemas provocados pela financeirização da economia a favor do rent...
Aprofundamento da União Económica e Monetária Europeia – ensaio sobre a cegueira
10/07/2015Miguel Viegas
Em traços gerais, este relatório dos cinco presidentes aponta para o reforço dos pilares neoliberal e federalista da UE. Podando o discurso dos h...
Grécia – a força do povo
10/07/2015Ângelo Alves
O povo grego emitiu uma opinião muito «simples» e clara. Quer mandar no seu próprio devir colectivo. Entende que o seu país é o seu povo e nã...
Uma guerra de classe
10/07/2015Filipe Diniz
O caldeirão grego
03/07/2015Luís Carapinha
Ucrânia, o fascismo galopante
25/06/2015Raúl Antonio Capote
capitalismo
A razão porque a classe média (ou a pequena burguesia) nunca poderá adquirir hegemonia é porque lhe falta agenda económica coerente. Ela pode ter no melhor dos casos um desejo nostálgico de alguma forma passada de organização social, mas nenhuma agenda concreta para o futuro  Actualmente o mundo está a assistir a um fenómeno um tanto raro, nomeadamente uma tendência difusa de leva...
A crise energética tornou-se mundial na presente crise desde 2007-8, pelo que não surpreendeu a escalada dos preços face ao pico da produção e ao questionamento da capacidade mundial de descobrir, explorar e apropriar reservas de hidrocarbonetos  Por volta de Julho de 2008 o barril atingiu os 150 dólares e agora ronda os 70 dólares [1], com um prognóstico instável, embora a Agencia ...
20/11/2014 Thomas Fazi // ODiario.info
Os EUA negoceiam actualmente –em segredo- com a UE e com 11 países asiáticos dois tratados de “comércio livre”. O conteúdo negativo das intenções de tais tratados vai muito para além das questões económicas. Os seus aspectos geopolíticos e ideológicos definem um quadro de subordinação dos Estados à estratégia das principais potências imperialistas. - Hoje, os ‘acordos de c...
20141127_Brasil.Dilma
A grande burguesia não tendo podido derrotar a candidata do PT,  vai continuar a pressionar abertamente (e a ser provavelmente atendida) pela composição de uma equipe econômica instalada no coração do governo que satisfaça os  “imperativos dos mercados”  As eleições do Brasil suscitaram as atenções da comunicação social mundial. Em grande medida, fez uma cobertura ...
O TTIP é un Tratado tremendamente violento. A violencia estrutural do sistema capitalista -que permite a acumulación da riqueza duns poucos a custa da pobreza e a destrución ambiental e cultural dos pobos- regúlase de xeito transversal ao longo de todo o TTIP  O Tratado Transatlántico de Comercio e Investimentos entre a Unión Europea e Estados Unidos (TTIP) é un acordo comercial e de ...
O Estado neoliberal, ou o Estado na era da hegemonia do capital financeiro internacional, é cada vez mais moldado de uma maneira que restringe a "soberania popular" de todos os modos concebíveis. Sua tendência essencial é para reduzir a democracia e estabelecer a hegemonia irrestrita da oligarquia corporativo-financeira  A mudança da natureza do Estado sob o neoliberalismo tem sido muit...
28/10/2014
Hai unha intención de crear unha OTAN económica, que sería ese pacto económico-comercial UE e EEUU, que faría máis forte ambas as potencias, xerando guerras comerciais fronte aos países emerxentes, en clara competencia con China e os outros -¿En que momento estamos do tratado TTIP? Acaba de pasar a sétima rolda de negociacións en Estados Unidos; a próxima será en Bruxelas en decembr...
Engadir ao calendario
cig.prensa@galizacig.com