Portada
Temas
Confederal
Sectores
Entrevistas
Opinion
Multimedia
Contacta
 
Artigos de opinión
Francia: non é o 68 mais si o parece
31/05/2016Carlos Aznárez
Se esta mobilización popular non fose suficiente para o pulso que libra coas políticas neoliberais representadas por Hollande, os sindicatos saben...
Brasil, chave do futuro da América Latina
31/05/2016Emir Sader
A eventual destituição de Dilma e o final da experiência de governo do PT no Brasil aparece, para a direita continental, como o que seria uma vir...
A natureza da crise sistêmica global: às vésperas do choque das placas tectônicas do capital
30/05/2016Edmilson Costa
Mesmo com toda a ofensiva do capital, o quadro de aparente calmaria pode mudar bruscamente se as massas se colocarem em movimento. Todas as revoltas...
Colonialismo, Neocolonialismo e Balcanização: As três idades de uma dominação
30/05/2016Said Bouamama
À mutação da base material do capitalismo corresponde uma mutação das formas da dominação política. O principal objectivo já não é instal...
A partida de xadrez xeopolítica EEUU-Rusia en América Latina
27/05/2016Germán Gorraiz Lopez
As medidas cosméticas tomadas pola Administración Obama no seu primeiro mandato, a respecto de Cuba, deixan intacto o bloqueo e non cambian substa...
O novo cenário brasileiro
27/05/2016Immanuel Wallerstein
Estratégia do golpe global
27/05/2016Manlio Dinucci
Venezuela
26/05/2016Pedro Guerreiro
Estados Unidos
3/12/2010 Niko Schvarz // Vermelho
As centenas de documentos descobertos pela WikiLeaks, que deixaram nua a diplomacia dos Estados Unidos, fornecem informações importantes sobre muitos aspectos da realidade internacional. Por exemplo, a postura dos Estados Unidos ante o golpe de Estado em Honduras.  As redes americanas e outros meios de comunicação têm tentado diminuir o significado, argumentando que tudo já era conheci...
20101203_OTAN.lisboa.protesta.jpeg
A Cimeira de Lisboa tiña un obxectivo claro e acadouno, este era o de abrir  camiño para unha ofensiva global da organización contra aqueles que se opoñen aos designios da actual orde internacional definida polos Estados Unidos e os seus aliados, o novo camiño terá por base o novo conceito estratéxico que foi aprobado por unanimidade na Cimeira de xefes de estado e goberno.  O do...
20101201_eeuu.imperio.jpg
Os EUA se tornaram uma potência imperial na disputa pela sucessão da Inglaterra como potência hegemônica, com a Alemanha. As duas guerras mundiais – tipicamente guerras interimperialistas, pela repartição do mundo colonial entre as grandes potências, conforme a certeira previsão de Lenin – definiram a hegemonia norteamericana à cabeça do bloco de forças imperialistas.  No fina...
30/11/2010 // Vermelho
Com a revelação de mais de 250 mil novos documentos sobre as atividades de espionagem dos Estados Unidos em todo o planeta neste domingo (28), o site WikiLeaks mostra a face verdadeira da diplomacia estadunidense, que trabalha com o objetivo de prolongar o domínio imperial sobre o planeta.  Os 250 mil documentos foram divulgados por vários jornais internacionais e mostraram que os Estado...
20101129_money.jpg
A recente decisão norte-americana de desvalorizar sua moeda nacional não é nova nem surpreendente. Como tampouco, a transferência dos seus custos para o resto da economia mundial, e de forma particular, para a periferia monetário-financeira do sistema. Os EUA já fizeram a mesma coisa, em 1973, quando abandonaram o sistema de Bretton Woods, provocando a primeira grande recessão mundial, depo...
Agora que o presidente Obama está quase celebrando seus renovados desejos bipartidários de reeditar os cortes de impostos para os super-ricos implementados por George Bush há dez anos, é hora de os Democratas definirem até que ponto vão se opor a uma administração que começa a parecer mais algo do estilo Bush-Cheney 3ª Parte. É isso que esperavam da promessa de Obama de ficar acima da p...
22/11/2010 Juan Gelman // Página 12
20101122_otan.lisboa.jpg
Nin o pensa. A xuntanza da máquina bélica chamada OTAN remataba este domingo en Lisboa e o seu obxectivo é declarado: elaborar o novo “concepto estratéxico” destinado a reforzar militarmente os seus 27 estados membro para que a organización “sexa máis efectiva, máis implicada e máis eficiente que nunca”.  Así o afirmou o seu secretario xeral, o danés Anders Fogh Rasmussen,...
Engadir ao calendario
cig.prensa@galizacig.com