Portada
Temas
Confederal
Sectores
Entrevistas
Opinion
Multimedia
Contacta
 
Artigos de opinión
Grecia e a recuperación da política na economía
03/07/2015Alfredo Serrano
A democracia participativa non ten cabida na economía dos expertos. Velaquí a cuestión: a economía deseñada por uns poucos a favor duns poucos ...
O caldeirão grego
03/07/2015Luís Carapinha
A solução dos problemas do povo grego só pode ser alcançada no caminho da afirmação da soberania e da ruptura com o diktat e os mecanismos de ...
Ucrânia, o fascismo galopante
25/06/2015Raúl Antonio Capote
Na Ucrânia se trava uma grande batalha contra o fascismo, o triunfo das forças obscuras deixaria aberta a via da opção fascista, nunca descartad...
A crise da UE e a “experiência” grega
25/06/2015Ângelo Alves
A realidade na Grécia, mas também em toda a UE, é de uma luta de classes muito aguda. Nessa luta, os fatores nacional e supranacional relacionam-...
O contra-senso comum
25/06/2015Boaventura de Sousa Santos
O modo como a crise financeira da Europa do Sul tem sido "resolvida", o vasto cemitério líquido em que se transformou o Mediterrâneo, o crescimen...
A nova xeopolítica do petróleo
01/06/2015Ignacio Ramonet
Grecia
3/7/2015 Alfredo Serrano
A democracia participativa non ten cabida na economía dos expertos. Velaquí a cuestión: a economía deseñada por uns poucos a favor duns poucos fronte á política que consulta aos seus cidadáns. Son dous modelos antagónicos  O de votar senta mal aos demócratas na Europa do Euro. Permitir ao pobo grego que sexa quen decida acerca do seu propio destino é unha gran preocupación para o...
3/7/2015 Luís Carapinha // Avante
A solução dos problemas do povo grego só pode ser alcançada no caminho da afirmação da soberania e da ruptura com o diktat e os mecanismos de asfixia da UE, FMI e BCE  Os desenvolvimentos em torno da Grécia sucedem-se a ritmo acelerado numa situação instável, atreita a piruetas e reviravoltas súbitas, cujo desfecho próximo permanece incerto. No momento em que se confirma o não p...
25/6/2015 Ângelo Alves // Vermelho
A realidade na Grécia, mas também em toda a UE, é de uma luta de classes muito aguda. Nessa luta, os fatores nacional e supranacional relacionam-se dialeticamente. Quem pensar que o desenvolvimento de uma política progressista, com conquistas de sentido anti-monopolista, democrática e de afirmação soberana se pode desenvolver no contexto do processo de integração capitalista europeu está...
O que está em jogo na Grécia é a possibilidade de uma mudança radical e uma virada política na direção da emancipação não só de um povo e de sua classe trabalhadora, mas dos trabalhadores de toda Europa  A decisão do governo do Syriza de transferir todos os fundos disponíveis do setor público ao Banco da Grécia marca uma virada política. Esse movimento de alto risco expõe de...
20150508_grecia.protesta
A Grécia foi admitida na zona do euro em 2000, supostamente por ter alcançado as exigências formais para isso. Quando, depois de 2008, a dívida do governo aumentou muito e o país passou a correr o risco de não poder pagá-la, foi-lhe oferecido um “pacote de resgate” por instituições estrangeiras, para que o governo fosse capaz de pagar suas dívidas  De onde quer que se olhe, o q...
23/4/2015 Txisko Fernández // CADTM
Se en Grecia o Goberno elixido democraticamente cun programa de ruptura coa austeridade logra garantir á súa cidadanía o restablecemento dos dereitos humanos fundamentais, enfrontándose ás autoridades europeas e aos acredores, sería un exemplo extraordinario para a UE e para os pobos de Europa - Cal é o mandato que lles deu o Parlamento grego?  A decisión tomada por Grecia de consti...
25/3/2015 Éric Toussaint // Esquerda
A auditoria demonstrará que uma parte muito grande da dívida grega contraída tanto no período precedente à intervenção da Troika como no posterior é ilegítima, ilegal, odiosa e insustentável. A auditoria revelará também a responsabilidade daqueles que beneficiaram desta, tanto na Grécia como no âmbito internacional  A presidente do Parlamento grego, Zoe Konstantopoulou |1|, que...
Engadir ao calendario
cig.prensa@galizacig.com