Portada
Temas
Confederal
Sectores
Entrevistas
Opinion
Multimedia
Contacta
 
Artigos de opinión
Nos 70 anos da Vitória de 1945
13/05/2015Jorge Cadima
A História mostra que o fascismo torna-se uma ameaça séria quando as classes dominantes optam pelo exercício do seu poder através da violência...
O medo de sair da zona do euro não deveria mais paralisar a Grécia
13/05/2015Stathis Kouvélakis
O que está em jogo na Grécia é a possibilidade de uma mudança radical e uma virada política na direção da emancipação não só de um povo e...
Stathis Kouvelakis
13/05/2015
...
Odessa não esquece
08/05/2015Luís Carapinha
Cumpriu-se o primeiro aniversário dos sangrentos acontecimentos de 2 de Maio em Odessa que culminaram com o incêndio e a chacina na Casa dos Sindi...
Grécia, ditadura financeira e caos
08/05/2015Immanuel Wallerstein
A Grécia foi admitida na zona do euro em 2000, supostamente por ter alcançado as exigências formais para isso. Quando, depois de 2008, a dívida ...
Hai alternativas ao TTIP e aos tratados de “libre comercio”?
05/05/2015Juan Hernández Zubizarreta e Pedro Ramiro
Tragédia no Mediterrâneo
30/04/2015Albano Nunes
Grecia
O que está em jogo na Grécia é a possibilidade de uma mudança radical e uma virada política na direção da emancipação não só de um povo e de sua classe trabalhadora, mas dos trabalhadores de toda Europa  A decisão do governo do Syriza de transferir todos os fundos disponíveis do setor público ao Banco da Grécia marca uma virada política. Esse movimento de alto risco expõe de...
20150508_grecia.protesta
A Grécia foi admitida na zona do euro em 2000, supostamente por ter alcançado as exigências formais para isso. Quando, depois de 2008, a dívida do governo aumentou muito e o país passou a correr o risco de não poder pagá-la, foi-lhe oferecido um “pacote de resgate” por instituições estrangeiras, para que o governo fosse capaz de pagar suas dívidas  De onde quer que se olhe, o q...
23/4/2015 Txisko Fernández // CADTM
Se en Grecia o Goberno elixido democraticamente cun programa de ruptura coa austeridade logra garantir á súa cidadanía o restablecemento dos dereitos humanos fundamentais, enfrontándose ás autoridades europeas e aos acredores, sería un exemplo extraordinario para a UE e para os pobos de Europa - Cal é o mandato que lles deu o Parlamento grego?  A decisión tomada por Grecia de consti...
25/3/2015 Éric Toussaint // Esquerda
A auditoria demonstrará que uma parte muito grande da dívida grega contraída tanto no período precedente à intervenção da Troika como no posterior é ilegítima, ilegal, odiosa e insustentável. A auditoria revelará também a responsabilidade daqueles que beneficiaram desta, tanto na Grécia como no âmbito internacional  A presidente do Parlamento grego, Zoe Konstantopoulou |1|, que...
O abaratamento do despedimento, a desarticulación da negociación colectiva ou a reforma do sistema de pensións crebaron o espiñazo do Dereito do Traballo grego e aceleraron a individualización das relacións industriais  Erich Fromm, un dos pensadores máis lúcidos do século XX, percibiu nitidamente o potencial destrutivo da economía de mercado cando non está sometida a límites que...
A UE tem os povos presos nas grilhetas do endividamento e do euro. Esta situação só será alterada pela resistência popular. O caso grego mostrou que esta resistência amadureceu na consciência dos povos 1 – Negociações não antagónicas  Um governo progressista em Portugal será confrontado com as imposições da UE. As negociações do Syriza, representando uma indisfarçável ca...
27/2/2015 Richard Seymour // Esquerda
As classes dominantes da UE também “ganharam tempo”, e elas dispõem dos recursos e estão ao ataque, enquanto o Syriza recuou. Não há motivo para achar que daqui a quatro meses a posição do Syriza será melhor que a que tem agora  O Syriza foi derrotado na primeira ronda de negociações. Após um período de provocação divertida, em que ganharam o apoio da esmagadora maioria do ...
Engadir ao calendario
cig.prensa@galizacig.com