Portada
Temas
Confederal
Sectores
Entrevistas
Opinion
Multimedia
Contacta
 
 
Artigos de opinión
Nos 70 anos da Vitória de 1945
13/05/2015Jorge Cadima
A História mostra que o fascismo torna-se uma ameaça séria quando as classes dominantes optam pelo exercício do seu poder através da violência...
O medo de sair da zona do euro não deveria mais paralisar a Grécia
13/05/2015Stathis Kouvélakis
O que está em jogo na Grécia é a possibilidade de uma mudança radical e uma virada política na direção da emancipação não só de um povo e...
Stathis Kouvelakis
13/05/2015
...
Odessa não esquece
08/05/2015Luís Carapinha
Cumpriu-se o primeiro aniversário dos sangrentos acontecimentos de 2 de Maio em Odessa que culminaram com o incêndio e a chacina na Casa dos Sindi...
Grécia, ditadura financeira e caos
08/05/2015Immanuel Wallerstein
A Grécia foi admitida na zona do euro em 2000, supostamente por ter alcançado as exigências formais para isso. Quando, depois de 2008, a dívida ...
Hai alternativas ao TTIP e aos tratados de “libre comercio”?
05/05/2015Juan Hernández Zubizarreta e Pedro Ramiro
Tragédia no Mediterrâneo
30/04/2015Albano Nunes
Accidentes
10/2/2009 Datos apresentados pola CIG desta comarca
Un total de 4.468 accidentes con baixa en xornada laboral rexistráronse en Ourense durante o ano 2008, 13 máis que no mes ano anterior o que representa un incremento do 0,25 % sendo a única provincia galega na que aumentou a sinistralidade. Os recoñecidos como accidentes leves foron 4.388, 72 graves e 8 mortais, un máis que no ano 2007. A este alto número de accidentes laborais en xornada de traballo hai que engadir os accidentes in itinere, e dicir, os ocorridos ao ir ou regresar do traballo que aumentaron de 339 no ano 2007 a 353 no 2008 ( 4,13 % máis ). Especial gravidade ten o aumento de accidentes mortais que houbo 6 traballadores mortos (1 o ano anterior), 14 graves ( 12 no 2007 ) e 333 leves.
27/12/2007 Non máis sinistros
O representante da CIG no Comité Provincial de Seguridade e Saúde Laboral de Ourense, Anxo Pérez Carballo, fixo diversas propostas, na reunión trimestral do organismo, encamiñadas a erradicar os accidentes que ocasionalmente teñen sufrido escolares que son levados aos centros de ensino en autobús, máis concretamente aqueles que se producen cando o neno ou a nena sobe ou baixa do vehículo.
Engadir ao calendario
cig.prensa@galizacig.com