Portada
Temas
Confederal
Sectores
Entrevistas
Opinion
Multimedia
Contacta
 
 
Artigos de opinión
As mentiras teóricas do Banco Mundial
21/11/2014Éric Toussaint
A visão do Banco Mundial está marcada por diferentes preconceitos conservadores. Nos relatórios e discursos dos quinze primeiros anos de existên...
Entrevista a Walden Bello: “O TTIP é como braço económico da OTAN”
20/11/2014Thomas Fazi
Os EUA negoceiam actualmente –em segredo- com a UE e com 11 países asiáticos dois tratados de “comércio livre”. O conteúdo negativo das in...
Brasil, a grande divisão
20/11/2014Boaventura de Sousa Santos
A grande burguesia não tendo podido derrotar a candidata do PT,  vai continuar a pressionar abertamente (e a ser provavelmente atendida) pela...
A armadura xurídica do Tratado Transatlántico de Comercio e Investimentos (TTIP)
20/11/2014Juan Hernandez Zubizarreta
O TTIP é un Tratado tremendamente violento. A violencia estrutural do sistema capitalista -que permite a acumulación da riqueza duns poucos a cust...
A anatomia do Estado sob o neoliberalismo
17/11/2014Prabhat Patnaik
O Estado neoliberal, ou o Estado na era da hegemonia do capital financeiro internacional, é cada vez mais moldado de uma maneira que restringe a "...
O mistério de Kobane
17/11/2014Pepe Escobar
Chomsky
20120220_fin.sonho.americano.jpg
O declínio dos Estados Unidos entrou, há algum tempo, em uma nova fase: a do declínio autoinfligido. Desde os anos 70 tem havido mudanças significativas na economia dos EUA, à medida que estrategistas, estatais e do setor privado, passaram a conduzi-la para a financeirização e à exportação de plantas industriais. Essas decisões deram início ao círculo vicioso no qual a riqueza e o pod...
Os EUA representam o principal sustentáculo do regime egípcio. Não é como na Tunísia, onde o principal apoio era da França. Os EUA são os principais culpados no Egito, junto com Israel e a Arábia Saudita. Foram estes países que prestaram apoio ao regime de Mubarak. De fato, os israelenses estavam furiosos porque Obama não sustentou mais firmemente seu amigo Mubarak... - Qual é sua aná...
A Unión Europea podería exercer presión sobre A India, Paquistán e Israel, os máis prominentes non asinantes do tratado de non proliferación de armas nucleares, para que finalmente o subscriban. En outubro de 2009, cando se protestou contra o programa atómico iraniano, a AIEA (Axencia Internacional da Enerxía Atómica) aprobou unha resolución, que Israel desafiou, para que este país sub...
20100212_xustiza.norteamericana.jpg
O 21 de xaneiro de 2010 quedará rexistrado como un día escuro na historia da democracia de Estados Unidos e o seu devalo. Ese día, a Corte Suprema ditaminou que o Goberno non pode prohibir que as compañías fagan achegas económicas nas eleccións. A decisión afecta profundamente á política gobernamental, tanto no plano interno como no internacional, e anuncia mesmo maiores conquista...
Engadir ao calendario
cig.prensa@galizacig.com